O que é horário de pico de energia: Entenda o conceito e evite desperdícios

Por

O controle financeiro começa pela identificação dos gastos e reserva do dinheiro necessário para pagar as contas em dia. Um dos maiores desafios é a conta de energia, devido ao consumo de aparelhos elétricos e ao horário de pico. Neste artigo, saiba como economizar energia e entenda o impacto do horário de pico na conta de luz.

O horário de pico é o momento do dia com maior demanda por energia elétrica, resultando em um aumento no consumo devido ao uso simultâneo de vários aparelhos. No Brasil, geralmente ocorre das 18h às 21h, exceto nos finais de semana e feriados.

Durante o horário de pico, atividades como o retorno das pessoas para casa, uso intensivo de aparelhos elétricos, iluminação pública e funcionamento de empresas aumentam a demanda por energia, resultando em tarifas mais altas para os consumidores.

Enviar pelo WhatsApp compartilhe no WhatsApp

A tarifa durante o horário de pico pode ser até três vezes maior do que em outros momentos do dia, devido à infraestrutura deficitária e à dependência de hidrelétricas no Brasil. Em períodos sem chuvas, as termelétricas entram em operação, aumentando os custos de geração de energia.

Entender o cenário energético brasileiro é fundamental para compreender a cobrança durante o horário de pico. Os horários específicos podem variar conforme a região, mas é importante verificar junto à concessionária local. A adoção de medidas para reduzir o consumo de energia, como evitar o uso de aparelhos simultaneamente e trocar lâmpadas incandescentes por LED, pode contribuir para reduzir os gastos com energia e promover a sustentabilidade.

📂 Dinheiro